Coisas que gostaríamos de ter descoberto antes: o clitóris

Saiba o que é e onde fica o clitóris. Conheça a história da descoberta do único órgão 100% destinado para o prazer em pessoas com vulva.

Fonte: Le Clitoris, Lori Malépart-Traversy

O primeiro passo para nos tornar mais íntimas de nós mesmas, é entendermos a fundo o nosso corpo. Até por que ninguém mais fará isso por nós. Podemos começar pelo básico: a aula de anatomia que nunca tivemos.

Ao longo da história o corpo do homem foi mais estudado que o corpo da mulher. Ou pelo menos a ciência chegou a descobertas com milhares de anos de antecedência quando se tratava do genital masculino.

Como consequência, o estudo da vulva ficou defasado pela falsa ideia de que era comparável a um pênis, mas interno. Isso incentivou pensamentos que reforçam a ideia de que para nós, mulheres, faltava algo.

Mas na verdade, só hoje a ciência começa a comprovar que para entender a anatomia da vulva e do o clitóris precisamos criar um novo repertório.

O que é Clitóris?

Fonte: Scientific American

Depois de séculos de falta de informações corretas relativas ao complexo do clitóris e anatomia do prazer feminino, a desconstrução e descoberta da nossa satisfação sexual através da ciência só começou a ser desvendada em 1998,  quando a pesquisadora Helen O’Connell realizou o primeiro estudo com imagens da real estrutura do clitóris.

“Nos textos não especializados se conhece como clitóris a glande ou a ponta externa do órgão. E essa é uma parte muito pequena de toda a estrutura, que está mergulhada profundamente sob a pele, com vários componentes que se encaixam em um espaço entre a vulva e o monte de Vênus, envolvendo a entrada da uretra e a vagina. Acho que minha principal contribuição é mostrar qual é a forma e o tamanho de cada parte integrante do clitóris. Definitivamente, deixar claro que você está errado se pensa que a ponta é todo o órgão.”  Afirma Helen em entrevista para o El País.

O clitóris merece uma atenção especial: ele é a estrela de prazer e principal zona erógena em pessoas com vulva. Mas, onde fica o clitóris? Estima-se que 90% do clitóris é interno e quando olhamos para uma vulva, só conseguimos ver a glande - a ponta do clitóris. Estudos recentes indicam que ele têm aproximadamente 8.000 terminações nervosas conjuntas - o que significa mais prazer e mais sensibilidade - além de orgasmos múltiplos e mais duradouros. 

O clitóris é composto por tecido erétil, ou seja, pode crescer e ter leves alterações de rigidez, graças ao aumento da circulação sanguínea na região durante o estado de excitação e orgasmo feminino.

Onde fica o clitóris?

Se nos deitarmos, e colocarmos um espelho de frente para a nossa vulva, poderemos ver algo parecido com a ilustração abaixo.

O que é Clitóris? Imagem fonte Anatomy of Pleasure | Somos Lilit

Fonte: Anatomy of Pleasure

Na ilustração é possível notar o relevo mais alto, que é o monte de vênus. Responsável pela proteção do osso pubiano. Além de, é claro, a vulva: que é toda parte externa da nossa genital. 

A estrutura do clitóris é toda parte colorida da ilustração acima. Ela fica posicionada ao redor do canal da uretra e do canal vaginal. Mas a única parte da sua estrutura que conseguimos ver e tocar diretamente é a sua ponta, conhecida como Glande. A Glande do Clitóris é apenas a ponta do iceberg de uma complexa estrutura 100% dedicada ao nosso prazer.

Não é a toa que chamamos de complexa estrutura! Não basta apenas saber onde fica o clitóris, pois não é um botão mágico, mas sim uma estrutura complexa. São muitos nomes e formações diferentes. Mas para facilitar, podemos dizer que: 

O que é Clitóris? Imagem fonte Scientific American | Somos Lilit

Fonte: Scientific American

A ponta externa do clitóris, a Glande, é a sua “cabeça”. As duas estruturas que se desenvolvem a partir dela, denominadas o Corpo Cavernoso, são os seus “braços”. As extremidades dos seus “braços”, chamadas de Crus, são as suas “mãos”. E as duas bolsas internas, os Bulbos, são como se fossem suas “pernas”.

Os orgasmos femininos

Estudos recentes indicam que todos os orgasmos derivados de estímulos diretos ou indiretos, externos ou internos, na região da vulva, têm ligação com o complexo do clitóris.

Ou seja, nós temos sorte: pessoas com vulva têm a capacidade de ter orgasmos múltiplos: temos a possibilidade de estimular direta ou indiretamente o clitóris depois de um primeiro orgasmo para prolongar o nosso prazer.

Não existe receita pronta ou fórmula mágica para se autodescobrir e entender o que te estimula mais. Mas um bom começo é reservar um tempo para olhar com calma e fazer uma massagem no seu corpo, na sua vulva, nos seus lábios e no seu clitóris.  Com movimentos circulares, toques sutis e massagens confortáveis, sinta o que te dá prazer.

Você sabia?

91% dos homens dizem atingir o orgasmo durante uma relação sexual, enquanto só 39% das mulheres afirmam o mesmo.
23% das mulheres descrevem as últimas experiências sexuais como nada prazerosas, enquanto 5% dos homens dizem o mesmo.
Apesar disso, é dentro de nós que mora o único órgão dedicado exclusivamente ao nosso prazer: o clitóris. 

Se por um lado o mercado de produtos eróticos no país ainda está baseado nos valores sexistas e patriarcais da nossa sociedade, com muita influência no imaginário da pornografia, por outro ele pode ser peça fundamental para essa transformação.

Entre testes, protótipos e muita escuta entendemos que nossa jornada também pode ser uma ferramenta para amplificar o diálogo sobre o prazer feminino, silenciado por anos.

 

REFERÊNCIAS:

Le Clitoris, Lori Malépart-Traversy

It took science 2,000 years to find the clitoris - Scientific American

Anatomia de uma intimidade confusa: quando uma vagina normal se transforma num complexo - El Pais

The Internal Clitoris, or That Thing You Never Knew You Had - Glamour

Anatomy of the Clitoris - Helen O'Connell

...

Somos Lilit. Uma das primeiras marcas brasileiras a desenvolver seus próprios vibradores como devem ser: criados por quem usa.

Conheça o Bullet Lilit, seu (novo) primeiro vibrador.

Deixe o seu comentário

Todos os comentários são revisados antes da publicação.

Comprar

O QUE ELAS DIZEM SOBRE O BULLET LILIT?

Entrega super rápida, embalagem cuidadosamente produzida, um cheirinho delicioso e um produto surpreende, já tive outros vibradores, mas nenhum com esse cuidado no acabamento, uma textura delicada, simplesmente PERFEITO! Já sou fã de carteirinha, até comprei um para minha melhor amiga.

Avaliação Anônima