Como é ter orgasmos em pessoas com clitóris e dicas para chegar lá

Para pessoas com clitóris, é assim que você chega a um orgasmo nos seus termos. 

Somos Lilit | Como usar vibrador para casal e gozar livremente

Se nós só escutamos estereótipos de livros, filmes e músicas, só existe um jeito de ter um orgasmo. E isso incluí gritaria, explosões e terremotos - dramáticos e altos. A descrição mais famosa de orgasmos em filmes? “Como fogos de artifício”. 


Conheça o Bullet Lilit. Seu (novo) primeiro vibrador.


Mas nos esquecemos que nas telas, especialmente na pornografia, o orgasmo é quase sempre uma performance. 

A pressão para fazer uma performance teatral têm raízes na ideia tóxica que mulheres e pessoas com clitóris devem “provar” para os seus parceiros que gozaram. Existe um histórico de fingimento para agradar os nossos parceiros. 

Para muitas pessoas, orgasmos não são objetivos. Nem todo mundo têm orgasmos, mas vale a pena experimentar com seu corpo e descobrir o que te estimula. Afinal, é fácil dizer quando alguém com pênis têm um orgasmo. Eles podem visivelmente ejacular. Mas para pessoas com clitóris, a reação pode ser mais subjetiva e nem sempre pode envolver ejaculação. Como resultado, muitas de ficarmos pressionadas para otimizar as sensações durante o sexo. 

Isso não quer dizer que todo mundo deve seguir uma fórmula ou reagir de uma maneira única. A especialista em sexo e relacionamentos Dra. Jess O’Reilly explica: “Mesmo uma definição universal de orgasmo não é conclusiva: os sujeitos pesquisados nem sempre alinham com as conclusões científicas. Quando pedimos para descrever um orgasmo, as respostas variam muito”. 

Cada corpo tem uma resposta diferente. Somos únicos, nossas reações variam, e o mais importante: nem todo mundo grita quando goza. 

O’Reilly descreve melhor as nuances do orgasmo, argumentando: “Para algumas pessoas, um orgasmo é a definição da maior experiência de prazer que existe. Para outros, é apenas uma rápida liberação. Algumas pessoas perdem o controle do corpo e outras simplesmente exalam a respiração com força. O que você vê na pornografia não é necessariamente como os orgasmos da vida real funcionam. Algumas pessoas podem gritar e ter espasmos pelo corpo, mas muitas não.”

Como é um orgasmo para uma pessoa com clitóris?

Durante um orgasmo, os músculos genitais contraem, o coração acelera, e o tecido da genital enche de sangue. Enquanto o corpo está trabalhando duro para te fazer sentir bem, seu cérebro está soltando uma dose enorme de oxitocinas e dopaminas, que te ajudam a sentir empatia, felicidade e intimidade com o parceiro. 

Quando comecei a escrever esse artigo, falei com algumas pessoas que conheço pessoalmente para pedir a descrição do orgasmo delas. Eu aprendi rápido que palavras não fazem justiça.

“Minhas pernas ficaram dormentes por um segundo. Nunca sinto o orgasmo no corpo todo, mas já tive alguns que fizeram minhas pernas tremerem” - Mary Ellen

É difícil descrever os sentimentos, os efeitos variados, a dormência, a euforia. Pessoalmente, eu choro. Quando penso em ter um orgasmo, eu penso em chorar. Meu corpo reage com uma euforia tão grande que lágrimas enchem meus olhos e eu posso até colocar minha cabeça no peito do meu parceiro. Algumas vezes são algumas lágrimas, outras é um choro completo. Mas eles não mostram isso nos filmes, não é verdade?

Alguns orgasmos podem fazer seu corpo tremer

Mary Ellen me contou que teve seu primeiro orgasmo depois da faculdade: “Eu pensava que tinha sempre, mas foi depois que me masturbei e entendi como era que me deu um estalo de era assim que era como deveria me sentir” - ela conta. 

Ela agora dá créditos para o fortalecimento do seu assoalho pélvico para o seu sucesso em chegar ao clímax: “Uma vez que eu entendi o que era um orgasmo, eu descobri posições que faziam isso acontecer mais rápido. Esse processo de aprendizagem apareceu em uma idade mais adulta, mas eu finalmente entendi”, ela me contou. 

Durante seu orgasmo, ela fala que sente cócegas no começo e então seus músculos começam a contrair. “Minhas pernas ficam dormentes por um segundo. Nunca sinto o orgasmo no corpo todo, mas já tive alguns que fizeram minhas pernas tremerem”.

Quando nosso coração acelera, não é incomum os nossos membros, principalmente as pernas, tremerem durante um orgasmo, talvez devido ao mecanismo de fuga ou luta do seu sistema simpático agindo. 

“Eu fico muito corada depois. Eu não sei o que aconteceu comigo. Eu estava suada e minhas pernas não paravam de tremer, até depois que o orgasmo acabou.” - Rae

Os primeiros orgasmos podem ser desconfortáveis até termos mais 

Tara me explicou que ela não sabia que estava tendo um orgasmo quando ela teve seu primeiro. No começo, ela sentiu uma sensação desconfortável - e essa reação é comum. 

O’Reilly explica que algumas vezes “nós ficamos desconfortáveis com as nossas partes mais reativas e sexuais. O clitóris é muito mais complexo que todos possamos saber e a vulva pode frequentemente ser parte integral do orgasmo, mas muitas vezes que não prestamos a devida atenção nela”. 

“O pós orgasmo é incrivelmente importante para mim, assim como ficar abraçado depois. Eu amo quando meu parceiro continua a fazer carinho ou me abraça depois que tenho um orgasmo. Me sinto eufórica e às vezes até um pouco trêmula” - Charlene.  

Quando perguntei para Tara mais detalhes de seu orgasmo ela me contou que a estimulação direta na glande do clitóris pode ser muito desconfortável: “Eu gosto de orgasmos através da parede da vagina, com estimulação no cérvix. Sinto que a glande do meu clitóris é muito sensível para ter um estímulo direto”. 

Alcançar orgasmos podem ser libertadores e cansativos

Orgasmos não devem ser limitados a algo que somente o parceiro pode te dar. Segundo O’Reilly, pessoas com clitóris relatam “mais níveis de desejo, excitação e orgasmo” usando um vibrador. Quando falamos sobre descobrir e otimizar o que você gosta, masturbação é uma prática produtiva e segura. 

Rae se considerava assexual por um longo tempo devido a sua falta de estimulação quando estava com outro parceiro. Alguns anos atrás, ela teve o seu primeiro orgasmo ao se estimular mais: “Eu fiquei muito corada depois. Eu não tinha entendido o que tinha acontecido comigo. Eu estava suada e minhas pernas não paravam de tremer, até depois que o orgasmo parou” - ela me explicou.

Eu pessoalmente nunca tinha experimentado com meu clitóris até começar a me masturbar, que foi só mais tarde na minha vida adulta. Eu também comecei a usar lubrificadores mais que são associados com mais níveis de prazer e satisfação. 

A prática que alcança a perfeição, e explorar sozinha através da masturbação é a melhor forma de entender o que funciona para você e o porquê. Rae conta que uma vez que começou a masturbar mais, com lubrificação, começou a sentir-se mais confortável com parceiros. 

“Meu parceiro estava me dedando e eu comecei a sentir um quentinho gostoso na minha barriga. E então, de repente, foi como uma liberação. É a única forma que posso descrever. Foi como todos os meus músculos contraídos se soltassem” - Tara

“Eu também comecei a me sentir mais genuína com meus gemidos. Eu não estava mais fingindo” - ela explica - “Meus orgasmos ainda são mais fortes com o vibrador. Eu sinto cócegas, minhas pernas ficam dormentes e minha cara fica corada. Às vezes perco a sensação nos meus dedos”. 

Quando perguntei para Rae como ela sabia esse foi seu primeiro orgasmo e como isso era diferente do prazer antigamente, ela disse que um orgasmo verdadeiro é óbvio: “Meu corpo ficou completamente mole e exausto depois do meu primeiro orgasmo. Eu usei um vibrador no meu clitóris. Eu lembro que fiquei deitada ali chocada com o que aconteceu”. 

Orgasmos através de estimulação multissensorial podem ser incríveis

Para pessoas como Charlene, o sexo anal é um importante fator para ter um orgasmo. “Eu não consigo gozar sem penetração anal. Eu prefiro penetração anal e vaginal ao mesmo tempo, mas isso não é sempre fácil de fazer. Quando eu tenho um orgasmo desse jeito, eu sinto da cabeça aos pés. É uma sensação incrível”. 

Ela conta, “Eu me considero uma pessoa extremamente sexual. Eu comecei a me masturbar muito nova e já conhecia meu corpo. O sexo anal funciona para mim”. Mas o que a Charlene disse que realmente gosta são os sentimentos pós sexo.

“O pós orgasmo é incrivelmente importante para mim, assim como ficar abraçado depois. Eu amo quando meu parceiro continua a fazer carinho ou me abraçar depois que tenho um orgasmo. Me sinto eufórica e às vezes até um pouco trêmula”.

A porcentagem de pessoas com clitóris que tem estão fazendo sexo anal aumentou e muitas relatam mais chances de ter orgasmo através da penetração anal. 

“É uma coisa muito específica”, Charlene conta “Essencialmente precisar de penetração dupla. Se não tivesse experimentado tanto, não saberia que era isso que queria ou precisava na minha vida sexual”. 

Se você está experimentando em qualquer parte da sua vida, vale a pena explorar novas coisas na sua vida sexual. Seja sexo anal, uma posição diferente, o uso de vibradores, mais lubrificante ou experimentar com BDSM. Sem experimentar,  você nunca vai saber o que te dá tesão. 

Os benefícios de um orgasmo

Os orgasmos são importantes para seu prazer sexual e sua autoestima. Orgasmos liberam hormônios em seu corpo e esses hormônios têm muitos benefícios como: 

  • Reduzir a inflamação, o estresse e a dor
  • Aumentar a circulação e o relaxamento
  • Diminuir o risco cardiovascular.

“Muitas de nós não estamos tendo orgasmos” conta O’Reilly, apontando em como nossas expectativas sexuais originam da pornografia: “Nós comparamos nossos orgasmos a pornografia que são completamente performáticos. Mas na vida real, os orgasmos acontecem de formas diferentes”. [...]

Escrito por S. Nicole LaneTradução livre de artigo publicado originalmente no Healthline. Leia o artigo original.

...

Somos Lilit. Uma das primeiras marcas brasileiras a desenvolver seus próprios vibradores como devem ser: criados por quem usa.

Conheça o Bullet Lilit, seu (novo) primeiro vibrador.

Deixe o seu comentário

Todos os comentários são revisados antes da publicação.

Comprar

O QUE ELAS DIZEM SOBRE O BULLET LILIT?

Entrega super rápida, embalagem cuidadosamente produzida, um cheirinho delicioso e um produto surpreende, já tive outros vibradores, mas nenhum com esse cuidado no acabamento, uma textura delicada, simplesmente PERFEITO! Já sou fã de carteirinha, até comprei um para minha melhor amiga.

Avaliação Anônima